terça-feira, 31 de março de 2015

VENTANIA DE OUTONO X BELEZA


Danos causados pelos raios UV ao couro cabeludo

O Verão se foi, e agora o tempinho ameno do Outono chegou. No entanto, não podemos nos descuidar da pele.

Durante o verão, sofremos com alta radiação solar, a qual sabemos que é extremamente nociva para a saúde da nossa pele, caso seja recebida em excesso e entre 10h e 16h. Somos alertados pela mídia sobre os cuidados que devemos ter para prevenir queimaduras e câncer de pele. Todavia, com a chegada do outono, continuamos sofrendo com a incidência dos raios ultravioleta, mas pouco se fala sobre o assunto.

Que o sol é importante, não temos dúvida, pois ele é responsável  pela fotossíntese nas plantas e favorece a produção e absorção de vitamina do complexo D pelo nosso organismo, mas para desfrutar  dos seus benefícios, 15 minutos são o suficiente e, claro, antes das 10h.

Embora, o sol seja mais tímido no outono, os cuidados com a pele não podem ser negligenciados. E quando digo pele, me refiro ao couro cabeludo também, cuja exposição demasiada ao sol ou à luz branca pode ocasionar queimaduras, podendo se manifestar com vermelhidão e coceira local. Em alguns casos de reincidência, há o surgimento do câncer de pele, cuja detecção é mais complicada.


Para evitarmos  tais complicações, os dermatologistas recomendam o uso do protetor solar fator 30, mesmo quando estivermos em local fechado, mas sob os efeitos nocivos dos raios UV da luz branca. Eles causam danos e mancham a pele, assim como o sol. O mesmo cuidado devemos ter com o couro cabeludo,mas de preferência protetor em spray e próprio para os cabelos, a fim de evitar a oleosidade excessiva da região; o uso de chapéu ou boné também é essencial e existem já tecidos especiais com bloqueador solar.

Tomados esses cuidados, podemos gozar dos benefícios do astro rei em qualquer estação.


sites consultados:



Até mais, meninas!

Bjks ; D

segunda-feira, 30 de março de 2015

Presente ideal


Você sabe a importância do sutiã para o seu bem-estar? parte II

Segundo os especialistas, 85% de nós mulheres, não estão dando a sustentação merecida aos seios, ou porque usamos um sutiã apertado demais, dificultando a circulação sanguínea e ainda ressaltando as gordurinhas indesejadas, ou porque o usamos largo, deixando as mamas caídas e favorecendo a dor nas costas.

Um modo de amenizar esse problema ou até eliminá-lo de nossa vida é respeitar a anatomia do nosso corpo. Contudo, se fosse tão simples assim, não haveria artigos e mais artigos sobre o assunto, correto? Então iniciemos as dicas.

1.       Primeiro passo: TAMANHO DA BANDA OU FAIXA

Para encontrar o tamanho certo do nosso sutiã, precisamos do auxílio da fita métrica para descobrirmos o tamanho da banda, ou seja, da faixa, que dará a real sustentação das mamas, pois é responsável por 90% dessa função. 

Envolva a fita métrica delicadamente no torso, região logo abaixo dos seios, e anote a medida. 

Caso se interesse por um modelo importado, divida o valor encontrado em centímetros por 2,54 e acrescente + 4 à medida obtida com a fita métrica (caso o número seja par), ou + 5(caso o número seja ímpar). Se a medida não for um número inteiro, faça assim:

A medida é 83,5 : 2,54 = 32,8 + 5 = 38.   Esse é o tamanho da faixa, de acordo com o padrão americano.

A faixa para dar uma boa sustentação aos seios deverá estar ajustada ao corpo de modo que dê para colocar no máximo 2 dedos por baixo.




1    2.  Segundo passo: TAMANHO DO BOJO OU TAÇA

Se deseja optar por uma peça nacional, é mais fácil chegar ao tamanho adequado da taça, basta passar a fita métrica suavemente sobre o busto de modo que ela fique o mais reta possível e anotar a medida. A fim de os seios sejam medidos inteiramente, incline-se a 90° graus (em direção ao chão) e meça o busto, passando a fita métrica por cima dos mamilos, anotando o resultado em seguida.


Fica a dica:Vale pedir ajuda a uma amiga ou ao namorado para não ter dúvida.

Se preferir comprar um sutiã importado, fica um pouquinho mais complicado. Você deverá pegar a medida da busto em centímetros, dividir por 2,5, assim acha-se o tamanho da taça.

Para se chegar ao tamanho do bojo, pegue o resultado que deu nas costas, ou seja, faixa e subtraia pelo valor do busto, visto anteriormente. Vejamos o exemplo:

Uma mulher com o número 40 para as costas e 37 para o busto, deverá fazer uma subtração, obtendo o valor 3. Agora vejamos a tabela abaixo:

a. Menos de 1 = bojo AA

b. 1 =A
c. 2 =B
d. 3 = C
e. 4 = D
f. 5 = DD ou E
g.  6 = DDD ou EE ou F
h.  7 = DDDD ou EEE ou FF ou G

Podemos dizer que o tamanho adequado do sutiã para o exemplo em questão é 40C ( tamanho das costas e da taça).



Se preferir um sutiã com bojo nacional, observe a tabela abaixo:



Essas são as medidas principais para a aquisição de um sutiã que concilie conforto e saúde, mas se ainda está confusa com relação as medidas iniciais, há uma calculadora  internacional de medidas, vale a pena conferir.

Bom o assunto é longo, semanalmente postarei mais informações para cuidarmos da saúde e beleza dos nossos seios.

Bjks e até mais!

Sites consultados:




domingo, 29 de março de 2015

hum...não está favorecendo...


Você sabe a importância do sutiã adequado para o seu bem-estar? parte I

A preocupação das mulheres com o busto é antiga, iniciando, na Idade Média, a tentativa de destacá-los com 
o espartilho, peça extremamente justa e desconfortável, cuja função era realçar e valorizar a beleza dos seios.


Ao longo dos séculos, com o objetivo de eliminar os incômodos da peça, alguns estilistas ousaram. 

HerminieCadolle, em 1889, dividiu o espartilho em duas peças, dando uma ideia do que seria o sutiã. Em 1914, Mary Polly Jacob patenteou sua invenção, a qual denominou de sutiã, que consistia em algumas fitas e dois lenços, a fim de dar sustentação aos seios.
sutiã dos anos 20


Todavia, não teve repercussão e somente, no século XX, com o início do capitalismo e o desenvolvimento da indústria têxtil, que se popularizou a peça e começou a produção em larga escala.


Apesar de sua criação ser remota e da tecnologia vir colaborando para que o sutiã seja cada vez mais confortável e valorize mais os seios, quando o assunto é a  a escolha de um modelo que una todas essas qualidades...isso ainda nos deixa cheias de dúvidas, por isso a partir de amanhã trarei algumas dicas para a escolha do modelo de sutiã adequado ao seu biotipo.

Até mais, meninas!
Bjks.