quinta-feira, 19 de junho de 2014

Paty do Alferes (RJ) e a tradicional Festa do tomate

Paty do Alferes surgiu no séc. XVIII com a chegada de um sertanista na chamada "Roça do Alferes". Pelo fato de ter muita palmeira conhecida como patis, juntou-se o nome dela a patente militar, originando o nome da cidade.

Cidadezinha bucólica do interior do Rio de Janeiro, a qual conta a história do período cafeeiro do nosso
país. Ainda é possível contemplar a arquitetura da época, pois os casarões das fazendas de café estão em vários pontos da região, e admirar a beleza da mata virgem e das pequenas quedas d'água ao longo da estrada, pela qual passava o imperador, para chegar a região serrana do estado.
Cidade alegre, na qual ocorre a tradicional Festa do Tomate, a qual contará com muitas atrações este ano, como o Rappa, o qual se apresentará amanhã, dia 20/06.


Com a chegada de uma frente fria, que pelo jeito se estenderá pelo fim de semana, preparem os agasalhos, pois Paty do Alferes já tem clima ameno no verão, imaginem no outono e com vento e chuva. Em razão disso, desfrutar dos principais pontos turísticos só para os corajosos, pois a maioria deles são belíssimas cachoeiras. Todavia, há uma alternativa para espantar o friozinho... o Museu da Cachaça e com direito a degustação. Gostou? O que está esperando? 


A cidade é pequenina, acolhedora e com muito a oferecer. Conta com uma excelente infraestrutura turística, porém vale  a pena conferir a capacidade de lotação das hospedagens antes de pôr o pé na estrada.
Aproveitem o friozinho da serra e divirtam-se!
Bjks.